Visitas

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Reciprocidade

Uma vez me falaram algo sobre o fim da escola, da faculdade... e a reciprocidade. Você pode se perguntar o que essas duas coisas tem em comum, mas eu te digo, é aí quando as pessoas passam a se procurar. Acredito que isso tenha algo haver de fato com o fim de inúmeras fases da vida, não apenas da ''idade escolar''. Quando estamos na escola, na universidade, em algum curso, algum emprego, ou algo que façamos durante um espaço de tempo consideravelmente longo e com periodicidade, nos deparamos com pessoas, mesmo que poucas delas, que se assemelham a nós. Nos tornamos amigos, estudamos juntos, contamos nossos segredos, mesmo que os mais superficiais, saímos para comer um temaki, tomar um drink ou pedir uma pizza e assistir netflix. Bem, nesse momento temos aquelas pessoas as quais nos agrada a companhia, próximas, talvez até mesmo a semana inteira e o final de semana. Mas aqui é o seguinte: quando esse tempo acaba podemos com clareza perceber ou não a existência de reciprocidade na relação, aí é o momento em que ambas as partes hão de se procurar. Outras demandas da vida vão surgir: empregos diferentes, talvez cidades, estados ou até mesmo países diferentes, vidas distintas, e é exatamente nesse ponto em que a importância do sentimento vai se sobrepor ou não a falta de tempo, ao resfriado, as leituras pendentes, as reuniões e todos os outros desígnios da vida. Olhe ao seu redor... Quem te procura? Quem vai até você? E ainda... Quem você procura? Quem você vai atrás? Não percamos de vista aquilo que nos é essencial, falo de essência não no sentido de imprescindível para a existência da vida, mas essencial no ponto em que alimenta tua alma, que te quer bem, que te faz feliz, te faz sorrir e está contigo nos momentos que mais precisas... Tristes ou felizes. Mesmo que pra isso seja preciso pegar o carro no meio da noite e atravessar a cidade, ou fazer uma ligação internacional... Quando menos esperamos estamos sufocados pela rotina, perdidos, desesperados, e apenas esses momentos podem nos salvar e nos dar força para viver um novo dia e aproveitar a vida da maneira mais bela possível!

Robéria Viana
Resultado de imagem para amigos da vida tumblr

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Carranca

Meu barquinho vai subir o São Francisco
Como quem sobe os degraus de uma igreja
Não vou entregar minha cabeça em uma bandeja
Quero morrer na peleja

Descubra o que você ama e deixe que isso te mate
Tudo vai te matar, essa que é a verdade
Descubra o que você ama e se entregue sem temor
Tudo vai te matar, melhor morrer de amor

A gente tem que viver
Sorrindo quando é pra chorar
Pra fazer a morte tremer
De medo de vir nos buscar


Vivendo do Ócio
 Resultado de imagem para barquinho de papel tumblr

segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Cântico Negro

Cântico Negro
"Vem por aqui" — dizem-me alguns com olhos doces,
Estendendo-me os braços, e seguros
De que seria bom se eu os ouvisse
Quando me dizem: "vem por aqui"!
Eu olho-os com olhos lassos,
(Há, nos meus olhos, ironias e cansaços)
E cruzo os braços,
E nunca vou por ali...

A minha glória é esta:
Criar desumanidade!
Não acompanhar ninguém.
— Que eu vivo com o mesmo sem-vontade
Com que rasguei o ventre a minha mãe.

Não, não vou por aí! Só vou por onde
Me levam meus próprios passos...

Se ao que busco saber nenhum de vós responde,
Por que me repetis: "vem por aqui"?
Prefiro escorregar nos becos lamacentos,
Redemoinhar aos ventos,
Como farrapos, arrastar os pés sangrentos,
A ir por aí...

Se vim ao mundo, foi
Só para desflorar florestas virgens,
E desenhar meus próprios pés na areia inexplorada!
O mais que faço não vale nada.

Como, pois, sereis vós
Que me dareis impulsos, ferramentas, e coragem
Para eu derrubar os meus obstáculos?...
Corre, nas vossas veias, sangue velho dos avós,
E vós amais o que é fácil!
Eu amo o Longe e a Miragem,
Amo os abismos, as torrentes, os desertos...

Ide! tendes estradas,
Tendes jardins, tendes canteiros,
Tendes pátrias, tendes tetos,
E tendes regras, e tratados, e filósofos, e sábios.
Eu tenho a minha Loucura!

Levanto-a, como um facho, a arder na noite escura,
E sinto espuma, e sangue, e cânticos nos lábios...

Deus e o Diabo é que me guiam, mais ninguém.
Todos tiveram pai, todos tiveram mãe;
Mas eu, que nunca principio nem acabo,
Nasci do amor que há entre Deus e o Diabo.

Ah, que ninguém me dê piedosas intenções!
Ninguém me peça definições!
Ninguém me diga: "vem por aqui"!
A minha vida é um vendaval que se soltou.
É uma onda que se alevantou.
É um átomo a mais que se animou...
Não sei por onde vou,
Não sei para onde vou,
— Sei que não vou por aí.
José Régio 
 Resultado de imagem para sem caminho

terça-feira, 6 de setembro de 2016

Episódio 5

É difícil não odiar. Pessoas, coisas, instituições. Quando quebram seu espírito e têm prazer em te ver sangrar, ódio é o único sentimento que faz sentido.

Mas eu sei o que o ódio faz com um homem. O afasta, o transforma em algo que não é. Algo que prometeu a si mesmo que nunca seria. Isso é o que preciso te dizer, para que saiba o quanto tento não cavar sob o peso de todas as coisas terríveis que sinto em meu coração.

Às vezes, minha vida parece um ato de equilíbrio mortal. Sinto um peso me dizendo o que eu deveria fazer. Reações impulsivas contra soluções longe de mim. Quando olho pro meu dia, vejo que a maior parte dele foi gasta pra limpar os estragos do dia anterior. Nessa vida, não tenho futuro. Tudo que tenho é distração e remorso.

Enterrei meu melhor amigo três dias atrás, e como clichê deixei uma parte minha naquele caixão. Uma parte que eu pouco conhecia. Uma parte que nunca verei de novo.

Todo dia tem um caixão pra os Sons, você abre e vê que está dentro. Você é o único que determina se é um presente ou uma sepultura.
           Jax Teller
Resultado de imagem para jax teller riding

domingo, 28 de agosto de 2016

Desligamento

Caí em meu patético período de desligamento. Muitas vezes, diante de seres humanos bons e maus igualmente, meus sentidos simplesmente se desligam, se cansam, eu desisto. Sou educado. Balanço a cabeça. Finjo entender, porque não quero magoar ninguém. Este é o único ponto fraco que tem me levado à maioria das encrencas. Tentando ser bom com os outros, muitas vezes tenho a alma reduzida a uma espécie de pasta espiritual. Deixa pra lá. Meu cérebro se tranca. Eu escuto. Eu respondo. E eles são broncos demais para perceber que não estou mais ali.

Charles Bukowski 

Resultado de imagem para bukowski

Crônica do Amor

Ninguém ama outra pessoa pelas qualidades que ela tem, caso contrário os honestos, simpáticos e não fumantes teriam uma fila de pretendentes batendo a porta.

O amor não é chegado a fazer contas, não obedece à razão. O verdadeiro amor acontece por empatia, por magnetismo, por conjunção estelar.

Ninguém ama outra pessoa porque ela é educada, veste-se bem e é fã do Caetano. Isso são só referenciais.

Ama-se pelo cheiro, pelo mistério, pela paz que o outro lhe dá, ou pelo tormento que provoca.

Ama-se pelo tom de voz, pela maneira que os olhos piscam, pela fragilidade que se revela quando menos se espera.

Você ama aquela petulante. Você escreveu dúzias de cartas que ela não respondeu, você deu flores que ela deixou a seco.

Você gosta de rock e ela de chorinho, você gosta de praia e ela tem alergia a sol, você abomina Natal e ela detesta o Ano Novo, nem no ódio vocês combinam. Então?

Então, que ela tem um jeito de sorrir que o deixa imobilizado, o beijo dela é mais viciante do que LSD, você adora brigar com ela e ela adora implicar com você. Isso tem nome.

Você ama aquele cafajeste. Ele diz que vai e não liga, ele veste o primeiro trapo que encontra no armário. Ele não emplaca uma semana nos empregos, está sempre duro, e é meio galinha. Ele não tem a menor vocação para príncipe encantado e ainda assim você não consegue despachá-lo.

Quando a mão dele toca na sua nuca, você derrete feito manteiga. Ele toca gaita na boca, adora animais e escreve poemas. Por que você ama este cara?

Não pergunte pra mim; você é inteligente. Lê livros, revistas, jornais. Gosta dos filmes dos irmãos Coen e do Robert Altman, mas sabe que uma boa comédia romântica também tem seu valor.

É bonita. Seu cabelo nasceu para ser sacudido num comercial de xampu e seu corpo tem todas as curvas no lugar. Independente, emprego fixo, bom saldo no banco. Gosta de viajar, de música, tem loucura por computador e seu fettucine ao pesto é imbatível.

Você tem bom humor, não pega no pé de ninguém e adora sexo. Com um currículo desse, criatura, por que está sem um amor?

Ah, o amor, essa raposa. Quem dera o amor não fosse um sentimento, mas uma equação matemática: eu linda + você inteligente = dois apaixonados.

Não funciona assim.

Amar não requer conhecimento prévio nem consulta ao SPC. Ama-se justamente pelo que o Amor tem de indefinível.

Honestos existem aos milhares, generosos têm às pencas, bons motoristas e bons pais de família, tá assim, ó!

Mas ninguém consegue ser do jeito que o amor da sua vida é! Pense nisso. Pedir é a maneira mais eficaz de merecer. É a contingência maior de quem precisa.

Martha Medeiros
Resultado de imagem para amor tumblr

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

O segredo da vida

Eles costumam dizer que as pessoas vem e vão de nossas vidas, e isso é verdade, mas... até certa medida. Algumas vezes e em algumas circunstâncias as pessoas permanecem, permanecem para sempre, e em nossos corações. Seja um amigo, um professor, um irmão, nossos pais - de sangue ou não -, um grande amor... Acontece que vezes as pessoas simplesmente ficam, mesmo que isso não tenha sido alvo da decisão de quem fica, e ainda menos da decisão de quem recebe o que fica. Os motivos são diversos, mas todos acabam fazendo parte da tua história e de quem tu serás dali por diante, e o tempo?! O tempo não importa muito nesses casos. Não tão frequentemente nos deparamos com desconhecidos dos quais arrancamos e oferecemos poucas palavras, mas essas palavras podem e já mudaram a vida de muitas pessoas. Quantas vezes você não ouviu algo de quem você jamais imaginou ou jamais viu e pensou: ''Nossa, isso era exatamente o que eu estava precisando ouvir'', ''Era realmente isso que eu precisava para mudar essa atitude'' ou ''Como eu estava sendo boba, realmente meu pensamento estava errado'', e as palavras proferidas pelo até então desconhecido nunca mais saíram de sua mente? Não precisamos ir tão longe, nem sempre é necessário que se ouçam palavras, o olhar diz tudo, não é mesmo? O corpo fala. E as vezes basta um olhar de um desconhecido ou de um amigo intimo, para sabermos que naquele instante, tudo vale apena. Alguns momentos de nossa vida são a certeza dela mesma... aqueles em que você pode fechar os olhos e afirmar que morreria feliz. Esse segundos são simplesmente o segredo da vida, e as pessoas que participam deles, eternas.

Robéria Viana